top of page

Crônica de uma cidade: “Então... é o amor ?” - Dimas Junior

Publicado em:
8 de março de 2020 19:00:26
Atualizado em:
30 de novembro de 2022 17:56:53
Crônica de uma cidade: “Então... é o amor ?” - Dimas Junior
Crédito Imagem:

Então , enquanto filho de Deus descobri, o Amor! Mas não me contentei prontamente em servi-lo, como um  discípulo. Aprendi o que precisava para reencontrar o meu destino em si mesmo.E para alcançar  esse propósito não devo seguir o caminho tortuoso que leva a um virtual , sensual e consensual caso amoroso, sei que não adianta tentar esquecer, não adianta forçar a barra ou simplesmente querer que as coisas aconteçam assim, num simples piscar de olhos. Se for importante vai permanecer em mim pra sempre.

Por mais que queira, as coisas acontecem devagar. Do mesmo jeito que você aprende a gostar, você aprende a esquecer. Só acho que esquecer demora um pouco mais... Deve ser porque a gente fica confusa, sofrendo, e por isso as coisas pareçam demorar mais pra passar. Pode ser o fato de você não querer que acabe, mas não ter alternativa pra mudar isso. Quem quer estar ao seu lado, aprende a dividir, aprende a ceder, aprende a conviver, a respeitar, a ser sincero... E mais inúmeras coisas. Não é difícil você conquistar uma pessoa, o difícil mesmo é você manter ela ali, do seu lado, todos os dias, e sempre querendo estar ali, ao estar em qualquer outro lugar. Não é fácil conviver com alguém ao seu lado, aceitar suas manias, seus vícios, suas crises, aceitar defeitos principalmente.

Acredito que tudo  que  envolva duas pessoas é um sentimento fácil. Aliás, nada é fácil. As pessoas tem que querer, e tem que querer muito pra poder dar certo. Quebrei a cara algumas vezes, mas mesmo assim não me julgo melhor e nem pior do que ninguém, simplesmente tento ver a situação pelos dois lados, e por mais que seja difícil, por mais que seja complicado, dolorido, um dia, uma hora, um mês ou sei lá quando, tudo isso passa. A gente sabe que passa. Não adianta ter pressa e querer que passe de ontem pra hoje, por que nada na vida acontece assim. Passa quando tem que passar, passa quando chega a hora. E a gente sempre tira uma lição de tudo o que se vive. Seja ela boa ou ruim. E assim nós vamos aprendendo um pouco mais. Mas nunca o suficiente, nunca se está exatamente pronto pra se viver um relacionamento.

O valor das coisas não está no tempo que elas duram, mas na intensidade com que acontecem. Por isso existem momentos inesquecíveis, coisas inexplicáveis e pessoas incomparáveis. No relacionamento,a gente aprende apenas a melhorar. Caso fique comigo, vou levar isso pra sempre, e de repente, quem sabe um dia dê certo, ou não. O que realmente faz valer a pena estar vivo não há filmadora ou máquina fotográfica que registre. As surpresas, gargalhadas, lágrimas, enfim, o que eu sinto, quem sou, você só vai perceber quando olhar nos meus olhos, ou melhor, além deles.

Leia Mais ...
bottom of page