top of page

Quais os benefícios de morar em uma cidade do litoral?

Publicado em:
14 de setembro de 2021 20:38:51
Atualizado em:
30 de novembro de 2022 17:57:03
Quais os benefícios de morar em uma cidade do litoral?
Crédito Imagem:

Qualidade de vida, diminuição do estresse e até mesmo aumento de serotonina são alguns dos principais privilégios em viver próximo à praia
Uma pesquisa realizada pela Lello Condomínios mostra que houve um aumento no número de moradores que foram passar o isolamento no litoral ou no interior de São Paulo. Segundo o estudo, 49% dos profissionais que trabalham em condomínios notaram um crescimento no número de moradores que deixaram a capital. Para 52%, também cresceu a quantidade de pessoas que foram para suas segundas casas no litoral. Mas o que está acarretando esse fenômeno? Trabalhar de home office no litoral ajuda na saúde mental?
Segundo a psicóloga clínica e hospitalar do HCSG Marli Cunha, os benefícios de se morar em uma cidade litorânea são muitos. Estudos como de Lora Fleming, da Universidade de Exeter, na Inglaterra, comprovam que a praia ajuda no auxílio de nossa saúde como um todo. Isso ocorre porque o córtex pré-frontal é ativado em contato ao som do oceano, pois essa área do cérebro está associada às emoções e autorreflexão.
"As ondas do oceano e os íons negativos que elas produzem aceleram a nossa capacidade de absorver oxigênio e ainda equilibram nosso nível de serotonina, substância química responsável por equilibrar nosso humor e sensação de prazer. Além disso, temos o estímulo auditivo, visual e sensitivo quando pisamos na areia e observamos o mar, a fauna e flora o que nos conecta ao meio ambiente" explica a especialista.
Segundo a psicóloga as vantagens são:
• Menos estresse e mais qualidade de vida;
• Ambiente propício para atenuar problemas respiratórios e aumentar as defesas imunológicas;
• Maior possibilidade de exposição ao sol;
• O som do mar é terapêutico;
• Mais probabilidade para a prática de atividade física e lazer.
Para Cunha, o estresse da cidade grande prejudica a saúde mental devido ao cotidiano e ao meio em que se vive, mesmo levando em consideração de que há uma quantidade maior de parques e áreas verdes e mais lazer em relação às cidades do litoral.
Já a prática de exercícios na praia, como o caminhar, no qual o contato com a areia diminui o impacto ao andar, auxilia nas articulações, e favorece a troca energética. "A prática de esportes estimula a produção de endorfina, o hormônio do prazer, o que traz vários benefícios ao corpo, como a sensação de relaxamento do organismo e o alívio de dores. Temos outras opções também como os passeios de bicicleta na orla ou até mesmo nas encostas, além das trilhas e praias pouco visitadas", complementa.
Por isso, tirar um tempo para ir a uma cidade litorânea e observar o mar pode ser um restaurador da paz e equilíbrio mental, pois os ruídos das grandes cidades (carros, moto, aviões entre outros) podem acionar hormônios como cortisol, chamado também de hormônio do estresse.
"O mar nos estabiliza segundo a neurociência. Já nas cidades litorâneas, há a melhor qualidade do ar e, consequentemente, uma melhoria na respiração, na recuperação de doenças respiratórias, na melhor absorção de vitamina D. Vale ressaltar também que a água do mar com altos níveis de minerais agem de forma terapêutica, desintoxicam, reduzem os níveis de cortisol e aumentam os níveis de serotonina. E o melhor de tudo, é que ocorre de forma natural", finaliza a especialista.
Sobre o Hospital Casa de Saúde Guarujá: Instituição de saúde com foco na excelência do atendimento médico de qualidade, com moderna infraestrutura e tecnologia de ponta. É a primeira opção na região na área de pediatria infantil e oferece um novo conceito de prevenção à saúde dos moradores e turistas do Guarujá e arredores com o objetivo de se tornar referência na prestação de serviços de saúde na Baixada Santista.
Leia Mais ...
bottom of page