top of page

Black Friday: Procon-SP registra mais de 600 reclamações em quatro dias

Publicado em:
30 de novembro de 2020 19:23:39
Atualizado em:
30 de novembro de 2022 17:56:35
Black Friday: Procon-SP registra mais de 600 reclamações em quatro dias
Crédito Imagem:

Até a manhã desta segunda-feira, 30, o Procon-SP registrou 940 atendimentos relacionados à Black Friday edição 2020. Foram 630 reclamações e 310 consultas.  Desde a semana passada, o consumidor que teve problemas com a promoção tem um botão específico no site do Procon-SP para registrar sua queixa.

Maquiagem de preço (quando o desconto oferecido não é real) segue sendo o principal questionamento, com 139 casos. Outros problemas que se destacam são sobre: pedido cancelado após a compra (109 atendimentos), mudança de preço ao finalizar a compra (107), produto ou serviço indisponível (101) e não entrega ou atraso (89)

A empresa mais reclamada até o momento é a B2W Companhia Digital (Americanas.com, Submarino, Shoptime, Soubarato e Lojas Americanas) com 74 reclamações. Em seguida aparecem Via Varejo (Casas Bahia, Pontofrio e Extra.com.br), 54; Alpargatas, 47; Kabum Comércio Eletrônico, 38; Magazine Luiza, 35 e Mercado Livre, 22.

Como fazer sua reclamação

Consumidor pode registrar sua reclamação no espaço específico para a Black Friday disponível no site (https://bit.ly/3lidaWB) e aplicativo do Procon-SP. Denúncias e orientações podem ser feitas nas redes sociais do Procon-SP. Os perfis oficiais são: @proconsp (facebook e instagram) e @proconspoficial (twitter).

Leia Mais ...
bottom of page