top of page

Governo de SP lança programa de intercâmbio no exterior para alunos do ensino médio

Publicado em:
6 de novembro de 2023 19:01:00
Atualizado em:
6 de novembro de 2023 19:02:19
Governo de SP lança programa de intercâmbio no exterior para alunos do ensino médio
Divulgação
Crédito Imagem:

Projeto apresentado por Tarcísio de Freitas prevê mil bolsas de estudo em 5 países de língua inglesa e curso intensivo de inglês para 70 mil alunos e 15 mil professores

O governador Tarcísio de Freitas lançou nesta segunda-feira (6), no Palácio dos Bandeirantes, o programa Prontos pro Mundo de intercâmbio gratuito para mil estudantes do ensino médio em escolas do exterior. O projeto de lei enviado à Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) prevê a oferta de mil bolsas de estudo de seis meses em cinco países de língua inglesa e a oferta de um curso intensivo e online de inglês para 70 mil alunos e 15 mil professores da rede estadual de ensino.

"Para nós, o Prontos pro Mundo é um dos programas mais importantes de todo o governo. Porque ele tem a ver com futuro, transformação e oportunidades que têm o poder de mudar a vida de milhares de estudantes. Eu acredito na transformação pela educação e tenho certeza que vocês também acreditam", disse Tarcísio.

"Isso é só o começo. A gente quer começar com 70 mil alunos selecionados para o curso de inglês e mil jovens no exterior. A partir do momento em que essa experiência der certo e ganhar corpo, queremos abrir mais portas e alargar horizontes para cada vez mais alunos e professores", acrescentou.

A cerimônia reuniu o secretário da Educação, Renato Feder, o presidente da Alesp, André do Prado, autoridades estaduais e municipais, dirigentes de ensino, professores, estudantes e representantes de conselhos educacionais. O investimento do Governo do Estado para a criação da nova política pública será em torno de R$ 120 milhões.

Após a Alesp aprovar a criação do programa pela Secretaria da Educação, o Prontos pro Mundo será instituído em duas fases. Na primeira, 70 mil alunos serão beneficiados com um ano de curso de inglês no formato on-line, ao vivo, no contraturno escolar. Alunos matriculados em 2023 no 9º ano do ensino fundamental já estão aptos a participar.

Na segunda fase, mil alunos serão selecionados para o intercâmbio, sendo um estudante de cada uma das 645 cidades paulistas e outros 355 selecionados proporcionalmente entre as 91 Diretorias de Ensino.

A seleção será feita por meio de provas de inglês aplicadas na metade e no final do curso. São pré-requisitos as notas do Saresp (Sistema de Avaliação de Rendimento Escolar do Estado de São Paulo) e a frequência escolar a partir de 85%, além de idade mínima e autorização dos pais e responsáveis.

"O Programa Prontos pro Mundo é mais uma das ações do Governo de São Paulo para valorizar alunos que estão comprometidos com seus estudos e de olho no futuro", disse o secretário da Educação Renato Feder. "É mais uma das nossas ações de incentivo ao desempenho escolar. Queremos reconhecer alunos de todas as cidades paulistas."

Intercâmbio gratuito
Todas as despesas da experiência internacional dos alunos, como emissão de passaporte, obtenção de visto, hospedagem, aulas, traslados e passagens aéreas serão custeadas pelo Estado. Os alunos também terão uma bolsa-auxílio para despesas pessoais durante a estadia no exterior, na casa de uma família anfitriã ou em residências estudantis.

O intercâmbio vai acontecer em escolas nos Estados Unidos, Canadá, Reino Unido, Austrália e Nova Zelândia. Os embarques serão feitos após período de preparação dos alunos e responsáveis no ano subsequente ao curso de inglês, quando os estudantes estiverem no 2º ano do ensino médio. No exterior, o semestre letivo terá equivalência a igual período no Brasil, com frequência e notas validadas pela Secretaria da Educação.

O programa ainda vai selecionar 15 mil professores de inglês da rede estadual para o curso intensivo de inglês, e cem deles devem ser selecionados para intercâmbios de um mês a partir de 2025. As regras de seleção dos professores serão regulamentadas após a aprovação do projeto de lei do Prontos pro Mundo pela Alesp.

Leia Mais ...
bottom of page