top of page

Araçariguama: Repercussão, demissão e o boca-a-boca | Coluna do Edison Pires

Publicado em:
2 de abril de 2022 19:00:00
Atualizado em:
1 de dezembro de 2022 18:45:02
Araçariguama: Repercussão, demissão e o boca-a-boca | Coluna do Edison Pires
Crédito Imagem:

   

Gostei da repercussão do meu texto da semana passada, quando pedi que as autoridades dispensassem maior atenção em oferecer cursos profissionalizantes que venham atender a demanda de nossas indústrias. Cursos do SENAI, por exemplo, de onde boa parcela dos alunos já sai de lá com emprego certo. O tema é importante e precisa ser visto como prioridade. Afinal, estamos falando do futuro de centenas de jovens e, consequentemente, de suas famílias.

O feedback foi bastante positivo. Pessoas formadoras de opinião; outras que exercem influência em decisões no município e até mesmo algumas ligadas diretamente ao setor público comentaram o artigo. E me deram razão, o que mostra que realmente precisamos dar mais oportunidade de formação profissional a aqueles que estão ingressando na vida adulta e no mercado de trabalho. Temos que atender os nossos em primeiro lugar. Então, mãos à obra. Só falar não adianta. Tem que ter ação!

Obrigado a todos que se manifestaram!

Outro assunto que deu bastante repercussão esta semana diz respeito à possível ou quase certa (talvez quando este texto for publicado a situação já esteja definida) saída da equipe do governo municipal da Secretária de Educação. Não entendi o motivo de tanto suspense sobre isso, a menos que tenha alguma coisa a mais “nesse caldo” todo.

O momento da saída da pessoa responsável pelo setor onde ocorreu tamanho crime (aqui já não cabe a palavra suposto, pois o próprio Chefe do Executivo afirmou que seria dado um flagrante no culpado) é totalmente inapropriado. Há muita responsabilidade a ser apurada principalmente pela Polícia Federal, Câmara Municipal, a própria Prefeitura e o Ministério Público e, por esse motivo, o demitir ou aceitar a demissão chega a ser incompreensível e até incompatível com a realidade. Porém, só nos resta crer que as autoridades sabem o que estão fazendo.

Acredito que as investigações não devam levar muito tempo, pois como já foi dito à época em que a denúncia foi tornada pública, ela ocorria desde o início do ano pela própria Polícia e Prefeitura. Já haviam suspeitos, já havia operação para flagrar a pessoa culpada. Então, a história deve estar próxima do fim. Mesmo que as investigações tenham sido levadas para a Federal, com certeza a Polícia Civil vai passar tudo o que já havia levantado. Não há motivos para demora – levando em consideração que as informações oficiais sempre deram conta de que as investigações estavam bastante adiantadas.

O boca-a-boca traz muitas informações. E os acontecimentos no correr dos dias, algumas vezes, vão dando credibilidade a elas. Muita coisa ainda está por emergir, segundo se ouve por aí!

Edison Pires

Leia Mais ...
bottom of page