top of page

Algumas observações sobre o Dias Mundial da Limpeza em Araçariguama

Publicado em:
25 de setembro de 2022 17:53:49
Algumas observações sobre o Dias Mundial da Limpeza em Araçariguama
Crédito Imagem:

 

No último sábado, 17, face ao Dia Mundial da Limpeza, Araçariguama pelo segundo ano consecutivo participou da atividade que consiste em executar ações em favor do meio ambiente no que se refere à limpeza. O grupo de aproximadamente 20 Voluntários reuniu-se no PEV'S - Ponto de Entregas Voluntárias e de lá partiram sentido Mina do Ouro. Por incrível que possa parecer ao olhar para a estrada de forma superficial, tem-se a sensação que está limpo, porém ao observar em detalhes, os voluntários não tiveram dificuldades para encher vários sacos de lixo com embalagens de salgadinhos, maços de cigarro, papéis, garrafas pet e de vidro entre outros materiais diversos incluindo uma TV antiga "de tubo".

Lamentavelmente esse lixo jogado nas vias públicas e arredores de forma irregular está localizado onde há coleta residencial, ou seja, fica evidente que falta educação e conscientização por parte de alguns populares, somados à falta de fiscalização do poder público, e como resultado um prejuízo para a cidade de forma geral.

Um dos objetivos da ação é justamente chamar atenção de população e governantes para ações conjuntas voltadas ao cuidado com o lixo e sua respectiva destinação em locais apropriados.

Durante o trajeto determinado pelos organizadores, foi possível visitar o "Complexo Educacional Cintra Gordinho - Mina do Ouro", local importantíssimo para a História, Cultura e meio ambiente de Araçariguama, com potencial turístico incrível e que estava abandonado até pouco tempo, e no momento se encontra em fase de reestruturação e recuperação de suas instalações.

Por mais que nos esforcemos é difícil entender como pode um local de total relevância para Araçariguama não ter o devido reconhecimento de seus governantes e munícipes. Esse é um alerta, ou melhor, um retrato sobre valores culturais e cidadania local que assusta. Não bastasse o abandono, marcas de destruição ao patrimônio histórico da mina do ouro, feitos no passado recente com o objetivo de "evitar problemas de desmoronamento", por mais que me esforce, não consigo entender: Destruir o patrimônio histórico por risco de desmoronamento, sem ao menos tentar recuperá-lo? Quem puder, por favor me explique!

Não bastasse o patrimônio histórico degradado, vimos também a degradação do meio ambiente onde parte do esgoto do bairro Cintra Gordinho, há tempos aparentemente ligado na rede pluvial, jorra através de tubulações quebradas poluindo nascentes existentes no local além de um cheiro horrível para os visitantes. Triste realidade.

Luz no fim do túnel

Por esforço de alguns membros da atual administração, mais especificamente da Cultura e do Meio Ambiente, que acima de suas funções estão dando demonstrações de cidadania, há sinais e informações que providências estão sendo tomadas para que em futuro próximo a Mina do Ouro possa ser recuperada e tenha as devidas adequações para seu melhor aproveitamento, trazendo para a cidade e seus visitantes um local digno.

Mas para que isso aconteça de fato, há a necessidade de interesse popular, de pessoas que façam pelo "simples" interesse de uma cidade melhor, sem necessidade de vitrine política que mais tem atrapalhado do que ajudado ao longo de três décadas.

Como cidadãos vamos fazer nossa parte, faça a sua também!

Robson Navarro / Eco-Ambiental Araçariguama

Leia Mais ...
bottom of page