top of page

100 anos do Museu Republicano de Itu

Publicado em:
23 de março de 2023 14:45:00
100 anos do Museu Republicano de Itu
Crédito Imagem:

Coleção de impressos do ex-presidente Prudente de Morais será disponibilizada digitalmente

Uma das novidades que o Museu Republicano de Itu está preparando, como parte das comemorações dos seus 100 anos de história, é a digitalização de impressos da coleção Prudente de Morais. Doada pela família do ex-presidente à instituição em 1925, ela é formada por mais de 1.300 exemplares, com obras que variam de documentos e livros de até 30 ou 40 páginas a publicações com mais de 200 páginas.

“O ex-presidente Prudente de Morais morreu em 1902. Ou seja, a coleção é formada, praticamente, por materiais do século 19”, conta José Renato Margarido Galvão, da Biblioteca do Museu Republicano de Itu. Segundo o técnico, para que o público tenha acesso a esse acervo, assim que o trabalho for concluído, ele será disponibilizado na Biblioteca Digital de Obras Raras, Especiais e Documentação Histórica da USP (BORE).

Ele conta que o trabalho exige muito cuidado e que tem início com o transporte de todo o material para laboratórios da USP, em São Paulo, que contam com equipamentos especiais para a realização desse serviço. “São nesses laboratórios que acontecem a digitalização, o tratamento de imagens, a edição, e onde os materiais são transformados em arquivos PDF”, explica José Renato Margarido Galvão.

O trabalho de digitalização será realizado em partes e serão necessários alguns meses para sua conclusão. A primeira delas será de obras de autoria do ex-presidente, muitas que se referem a documentos relacionados a sua própria atuação no governo. Depois serão digitalizadas obras bibliográficas, como as do Conde de Parnaíba ou a do próprio Prudente de Morais.

“A terceira parte será dedicada a relatórios de governo desde os tempos do império até chegar ao período republicano, que inclui a atuação do Prudente de Morais como presidente”, conclui o técnico.

História do Museu Republicano -O Museu Republicano "Convenção de Itu" foi inaugurado pelo então presidente do Estado de São Paulo, Washington Luis Pereira de Sousa, a 18 de abril de 1923 e desde então subordinou-se administrativamente ao Museu Paulista que, em 1934, tornou-se Instituto complementar da recém-criada Universidade de São Paulo e a ela se integrou em 1963.

É uma instituição científica, cultural e educacional, especializada no campo da História e da Cultura Material da sociedade brasileira, com ênfase no período entre a segunda metade do século XIX e a primeira metade do século XX, tendo como núcleo central de estudos o período de configuração do regime republicano no Brasil.

Encontra-se instalado em sobrado histórico em Itu, erguido nas décadas iniciais do século XIX, e que se tornou residência da família Almeida Prado. Foi nesse local que se realizou, em 18 de abril de 1873, uma reunião de políticos e proprietários de fazendas de café para discutir as circunstâncias do país e que, posteriormente, se transformou na famosa Convenção Republicana de Itu, marco originário da campanha republicana e da fundação do Partido Republicano Paulista.

Leia Mais ...
bottom of page